quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

AGED realiza fiscalização de mudas em comércio ambulante de Santa Luzia do Paruá

AGED realiza fiscalização de mudas em comércio ambulante de Santa Luzia do Paruá

Com o objetivo de impedir a entrada de pragas de citros que não estão identificadas no Maranhão e combater o comércio ilegal de produtos vegetais sem garantia de origem e sanidade, a Agência estadual de defesa agropecuária do Maranhão (AGED), por meio da Unidade Regional de Zé Doca, em parceria com a Polícia Militar fiscalizou nesta semana, o comércio ambulante de Santa Luzia do Paruá.
IMG-20180112-WA0037
Na ocasião, os fiscais estaduais agropecuários da Aged em parceria com policiais militares, flagraram o comércio ambulante de mudas de espécies vegetais sem amparo na legislação vigente. Desta forma, seguindo as normativas legais, foi realizada a destruição das 400 mudas de citros oriundas da cidade de Capitão Poço(PA).
IMG-20180112-WA0041
A Fiscal Estadual Agropecuária, Iolanda Sousa, destacou que  “Esse tipo de comércio pode trazer grandes prejuízos para o nosso Estado, pois essas mudas são produzidas sem nenhum controle sanitário, acarretando assim a disseminação de várias doenças, por conta disso, além das fiscalizações, também alertamos a população, para que não comprem essas mudas vendidas de forma ilegal.”
A fiscalização e a destruição das mudas além de dar cumprimento às legislações estaduais e federais, tiveram o objetivo de proteger o patrimônio vegetal maranhense contra a introdução de doenças de citros não presentes em nosso território. Tendo ainda, caráter educativo, alertando e instruindo a população dos riscos de comprar essas mudas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais visitadas