Corrupção, aluguel camarada, assaltos diários aos cofres públicos, perseguição aos opositores essa é a marca do governo de Flávio Dino do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), no Maranhão.

Mais um escândalo na gestão comunista, desta vez, na Caema – Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão, Zarah Jansen de Mello Lobão, ganha um valor de R$ 14.175,00 (quatorze mil e cento e setenta e cinco reais), ocupando o cargo de teóloga, isso mesmo teóloga.
Segundo informações do portal da transparência do estado, folha de pagamento referente ao mês de março deste ano, veja acima.
Uma teóloga em uma companhia? Mas, teóloga [cargo] se dedicar à pesquisa na área da religião, antropologia, sociologia ou outras ciências humanas. A pasta da CAEMA é o reduto de Flávio Dino para nomeações de aliados.
Fonte: Maranhão de Verdade